Veículos da Novacap ganham GPS


Sistema de monitoramento dará mais transparência para gastos da empresa com a frota de caminhões e tratores

A hora parada à disposição da Novacap é em torno de 65% menor do que a trabalhada, e não 35% conforme informado anteriormente.

A Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) iniciou nesta terça-feira (16) a instalação de aparelhos de GPS (sistema de posicionamento global, em português) nos 546 veículos da frota da empresa — 229 próprios e 317 contratados —, entre caminhões, tratores, pás mecânicas e retroescavadeiras.

Com o auxílio da tecnologia, espera-se tornar os gastos e os serviços mais transparentes e eficientes. “Teremos informações em tempo real das atividades de cada equipamento, da localização e da produtividade”, explica o diretor-administrativo da companhia, Júlio Menegotto.

O contrato com a pernambucana Vision Net foi firmado em janeiro como resultado de pregão eletrônico feito em 2015. A empresa é responsável pela instalação do sistema de monitoramento e de rastreamento via GPS nos veículos próprios ou terceirizados que prestam serviço para a Novacap.

A expectativa é que os equipamentos sejam instalados em dez dias. O sistema custará à companhia R$ 42.989 mensais, o que inclui a locação dos aparelhos, o rastreamento da frota, a instalação de painéis de monitoramento na sede da empresa e o treinamento de servidores.

Benefícios

Além de informar a quilometragem rodada por dia, o GPS vai identificar com mais precisão o tempo que o veículo opera e o que fica parado. Esse dado é importante para definir o valor a ser pago à fornecedora dos veículos terceirizados.

A hora parada à disposição da Novacap é em torno de 65% menor do que a trabalhada. “Se um trator precisar interromper um serviço por 30 minutos por causa da chuva, por exemplo, teremos como saber disso imediatamente”, esclarece Menegotto. Espera-se reduzir de 15% a 20% os custos com os veículos.

Outra vantagem, segundo o diretor-administrativo, é a eficiência no trabalho. O sistema permitirá a instalação de sensores específicos para cada tipo de veículo. Em um caminhão-pipa, por exemplo, ele mostrará a quantidade de água usada para regar determinado jardim. “Dessa maneira, conseguiremos ajustar as medidas com mais facilidade.” Os dados também serão importantes para municiar outras pastas. Os órgãos que trabalham no combate à dengue saberão rapidamente onde a Novacap fez limpeza em um dia específico.

Anterior Carnaval em clima de paz e segurança
Próxima Brasília celebra Mês da Água com atividades educacionais e esportivas

Não há comentários ainda

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *